Sindicato dos Técnicos Superiores, Assistentes e Auxiliares da Educação da Zona Norte
Segunda-feira, 17 de Março de 2008
Governo dá tolerância de ponto na tarde de quinta-feira

Governo vai dar tolerância de ponto aos funcionários públicos durante o período da tarde de Quinta-feira Santa, 20 de Março, de acordo com um despacho publicado hoje no Diário da República.

O despacho, assinado pelo primeiro-ministro, José Sócrates, justifica a decisão com a «tradição existente no sentido da concessão de tolerância de ponto nos serviços públicos não essenciais na época da Páscoa».

O despacho, datado de 10 de Março, precisa que a tolerância se destina aos funcionários e agentes do Estado, dos institutos públicos e dos serviços desconcentrados da administração central.

Diário Digital / Lusa
http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=323697



publicado por staae-zn às 11:23
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 10 de Março de 2008
Concurso para a Categoria de Assistente de Administração Escolar Principal
 Todos os candidatos ao Concurso para a Categoria de Assistente de Administração Escolar Principal devem consultar a página da DGRHE


publicado por staae-zn às 10:34
link do post | comentar | favorito

Mais de cem mil sócios só em duas estruturas
Só a Federação Nacional dos Sindicatos da Educação (FNE) e a Federação Nacional dos Professores (Fenprof) reúnem mais associados do que aqueles que sábado marcaram presença na Marcha da Indignação que encheu a Avenida da Liberdade e o Terreiro do Paço. Porém, há que ter em conta que, no caso da FNE, a estrutura sindical inclui nas suas contas quatro mil técnicos superiores, técnicos, administrativos e auxiliares de educação.

Segundo as informações prestadas por João Dias da Silva, o Sindicato dos Professores da Zona Norte é o maior sindicato da federação, com 20 mil filiados. Nas contas da FNE, seguem-se depois o Sindicato dos Professores da Zona Centro com 13 mil sócios. Já o Sindicato Democrático dos Professores da Grande Lisboa e os do Sul contam com 4000 sócios cada.

Já na Fenprof, o Sindicato dos Professores da Grande Lisboa reúne um terço dos 59 400 filiados - cerca de 20 mil. Segue-se o Sindicato dos Professores do Norte com 18 mil associados e os do Centro com 14 200. Na zona sul do País, a Fenprof conta com pouco mais de sete mil filiados.

Segundo Mário Nogueira, secretário-geral da Fenprof, "o Ministério da Educação contabilizou recentemente 106 mil sindicalizados entre os 136 mil professores existentes em Portugal". Porém, alerta que "nestas contas só foram incluídos os professores do ensino básico e secundário, ficando de fora os do ensino particular, do Superior, aposentados e desempregados".

Outra das estruturas com significativa representação em Portugal é o Sindicato Nacional e Democrático dos Professores (Sindep) que, de acordo com Carlos Chagas, conta com cerca de 15 000 sócios nos seus cadernos. Já a Associação Sindical dos Professores Licenciados tem cerca de cinco mil sócios, o que, segundo a presidente Fátima Ferreira, é "significativo para uma estrutura independente".

O sector da educação conta ainda com estruturas como o Sindicato Nacional dos Professores Licenciados pelos Politécnicos e Universidades, o Sindicato dos Educadores e Professores Licenciados pelas Escolas Superiores de Educação e Universidades ou o Sindicato Nacional dos Profissionais de Educação.
HELDER ROBALO


publicado por staae-zn às 10:12
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 6 de Março de 2008
Vamos estar na manifestação de 8 de Março
Não docentes também vão à manifestação

 

 

A manifestação não vai ficar reduzida aos professores. Os técnicos, administrativos e os auxiliares de acção educativa também vão empunhar bandeiras. Porque estão solidários com os professores, mas, sobretudo, porque receiam as consequências da transferência para as autarquias das competências relativas à gestão do pessoal não docente das escolas básicas.

 

(entrevistas em 29-2-08)  http://www.fne.pt/media/video/show/id/146

 
"Só do Norte, vão cinco mil pessoas a Lisboa", adiantou Carlos Guimarães, presidente do Sindicato dos Técnicos Administrativos e Auxiliares de Educação da Zona Norte, segundo o qual os cerca de 36 mil funcionários não docentes receiam perder direitos com a passagem para os municípios.
"Continuamos sem saber como é que a transferência vai ser feita, nem o que pretendem fazer com contratos individuais e a termo certo", questiona. Acresce que os funcionários das secretarias escolares têm de aguentar com "a imensa burocracia" inerente à avaliação dos professores. "Já ninguém consegue dar vazão ao trabalho todo".
Entre os estudantes, a nota é de solidariedade. Mesmo assim, não são esperados alunos na manifestação. "Só podemos estar solidários, mas os estudantes têm as suas lutas próprias", declarou Nicole Santos, de 15 anos, da associação de estudantes da Escola Secundária de Gonçalves Zarco, em Matosinhos. "Compreendemos o profundo descontentamento da classe docente, e sentimos as consequências disso, mas não fazia sentido os estudantes estarem presentes", corroborou Luís Baptista, da Escola Secundária de Camilo Castelo Branco, em Carnaxide, segundo o qual os estudantes estão mais empenhados em recolher assinaturas para o abaixo-assinado contra o novo modelo de gestão das escolas que planeiam entregar no dia 14 de Março a Maria de Lurdes Rodrigues.

Natália Faria "Público"
http://jornal.publico.clix.pt/


publicado por staae-zn às 12:53
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 3 de Março de 2008
abaixo-assinado

FNE lança abaixo-assinado a exigir participação dos sindicatos na transferência de não docentes para autarquias

A FNE vai lançar este mês um abaixo-assinado a exigir a participação dos sindicatos no processo de transferência de competências para as autarquias em matéria de pessoal não docente, esperando reunir cerca de 10.000 assinaturas.


Em declarações à Agência Lusa, o secretário-geral da Federação Nacional dos Sindicatos da Educação (FNE) anunciou que o documento deverá começar a circular nas escolas nos próximos dias, sendo depois entregue até ao final do mês ao Ministério da Educação (ME).


"Vamos exigir a participação das organizações sindicais no processo de transferência de competências para as autarquias em matéria de pessoal não docente. Esta transferência não pode ser feita como um negócio entre o ME e os municípios", afirmou João Dias da Silva.


A FNE, que além de vários sindicatos de professores engloba três de pessoal não docente, quer ver esclarecida a forma como a transferência da gestão de cerca de 36 mil não docentes será efectuada.
"Têm de ser preservadas e respeitadas as carreiras e categorias que os funcionários já têm, bem como as expectativas de horizonte profissional", acrescentou João Dias da Silva.


Por outro lado, disse o responsável, é ainda necessário perceber se é transferida apenas a gestão dos 36 mil não docentes que estão nos quadros ou se esta transferência implica também os trabalhadores com contrato administrativo de provimento ou contrato individual de trabalho com o Ministério.
"As organizações sindicais têm de ser ouvidas na definição das condições em que esta transferência vai ser feita e colaborar no sentido de serem encontradas as melhores soluções no respeito pelos trabalhadores não docentes", afirmou o secretário-geral da FNE.


Segundo o diploma que alarga o quadro de transferência de competências para as autarquias, aprovado na generalidade em Conselho de Ministros a 21 de Fevereiro, as autarquias vão passar a assumir a responsabilidade pela gestão do pessoal não docente até ao 9º ano, a gestão do parque escolar e a acção social escolar nos 2º e 3º ciclos, assim como o transporte escolar do 3º ciclo, entre outras competências.

 

Fonte: Lisboa, 29 Fev (Lusa) - MLS.



publicado por staae-zn às 00:46
link do post | comentar | favorito

Domingo, 2 de Março de 2008
Marcha pela Educação - 8 de Março 2008 - Lisboa

 

Marcha pela Educação - 8 de Março 2008

Do Marquês do Pombal para o Rossio


Tendo em conta a mobilização que está a decorrer em todo o país e a grande adesão manifestada por milhares de educadores e professores, a Marcha de 8 de Março terá como local de concentração o Marquês de Pombal, terminando depois no Rossio.

 

A Federação Nacional dos Sindicatos da Educação decidiu integrar o conjunto de organizações promotoras da marcha que no dia 8 de Março próximo vai servir para exprimir o fortíssimo descontentamento de todos os Trabalhadores da Educação em relação às políticas definidas pelo actual Ministério da Educação, exigindo uma avaliação de desempenho justa e não punitiva, uma verdadeira autonomia para a gestão das escolas, respeito pelo tempo necessário para a componente pedagógica da actividade docente, diminuição da carga burocrática que hoje se abate sobre os docentes portugueses, fim da precariedade e da insegurança que se vive no sector, quer entre trabalhadores docentes, quer entre trabalhadores não docentes.

Esta decisão foi tomada no quadro de um grupo de organizações promotoras de uma tal iniciativa, verificada que foi a convergência de perspectivas quanto à consciência instalada entre todos os trabalhadores do sector da impraticabilidade de medidas impostas pelo Ministério da Educação que, em vez de conduzirem à melhoria do sistema educativo, estão a criar condições para a sua efectiva deterioração.

Independentemente de outras acções que possa vir a concretizar noutras oportunidades, com idênticos objectivos, a FNE considera essencial uma ampla participação nesta iniciativa, para a qual convida todos os seus associados e simpatizantes não associados.

Porto, 25 de Fevereiro de 2008

Departamento de Informação e Imagem | FNE

Nota:

O STAAEZN

 INFORMA QUE TODOS OS INTERESSADOS DEVEM CONTACTAR ESTE SINDICATO VIA E-MAIL (STAAEZN@MAIL.TELEPAC.PT) OU FAX: 22 608 44 77, A FIM DE ORGANIZAR A HORA E LOCAL DE PARTIDA.



publicado por staae-zn às 23:56
link do post | comentar | favorito

O STAAE-ZN
pesquisar
 
Outubro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

Greve dia 26 de outubro 2...

XII CONGRESSO “POR UMA E...

Início Ano Letivo 2018/20...

Horário de Atendimento da...

Cruel precariedade, a vid...

Congresso XI Staae Zona N...

Conferência de Imprensa c...

FNE convoca greve de Trab...

Jornal online março 2018

Agenda Abril 2018

arquivos

Outubro 2018

Setembro 2018

Junho 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Maio 2017

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Outubro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

tags

todas as tags

links
:
este blog foi visto por:
contadores
contadores